Preço: 12.00€
Especificações Técnicas

Imagem: 16x9 FF Cor

Som: Dolby Digital 5.0 / Stereo 2.0
Legendas: Português

Pesquisar
Homenzinhos
em dvd
um filme de Ira Sachs
Estreia: 12-01-2017
voltar
Com

Greg Kinnear, Jennifer Ehle, Paulina Garcia, Alfred Molina, Theo Taplitz e Michael Barbieri

Info
Título Original: Little Men
Género: Comédia dramática
País: Estados Unidos
Duração: 85'
Links

Após a morte do avô, Jake, de 13 anos, vê de repente a família mudar-se de Manhattan para a antiga casa onde o pai cresceu, em Brooklyn. Aí, Jake faz um amigo, o carismático Tony, cuja mãe, Leonor, uma costureira chilena, dirige sozinha a loja da cave. Os pais de Jake, Brian, um actor em dificuldades e Kathy, uma psicoterapeuta, não demoram a pedir a Leonor um grande aumento de renda da loja. Para Leonor, a nova renda é insustentável e inicia-se uma disputa entre os adultos. 

Le Monde
Cahiers du Cinema
Libération
Les Inrocks
The Guardian
Time Out London
Festivais e Prémios

Festival Sundance - Estreia mundial
Festival de Berlim - Panorama & Generations
Festival de Deauville - Grande Prémio Especial 

Notas da Crítica

HOMENZINHOS prova como Ira Sachs é um novo “mestre” de um cinema americano que evoca a simplicidade formal dos clássicos e a complexidade dramática da nova Hollywood. (...) Um óptimo pequeno filme que merece, de muito longe, a atenção que se dá a filmes muito maiores. - Público


Uma história nova-iorquina, de bairro, com grande inteligência emocional. Um filme cheio de bons momentos e sobretudo de grandes atuações. - Visão

Taplitz e Barbieri são ambos óptimos nos miúdos com feitios diferentes e que dão o exemplo aos seus maiores - Time Out


O que mais impressiona nos filmes de Ira Sachs é a densidade humana das personagens que gera empatia imediata (...) Sachs traz as diferenças - étnicas, sociais, sexuais, etárias - com rara sensibilidade - Sábado

Uma jóia verdadeira e estimulante. Divertido, comovente e vital, um prazer real. É altura de compreender que Ira Sachs é um mestre moderno. - Rolling Stone

Um oásis gentil e inteligente neste Verão de insultos acalorados. - NY Post

Filmes assim tão bons já não são muito frequentes. Um atordoamento sorrateiro. Insinua-se e domina-nos completamente. – Playboy

Selecção da crítica. – New York Times

Silenciosamente devastador. Pôs-me a limpar as minhas próprias lágrimas. – New York Magazine

Uma história simples que se sente rica e honesta vista de qualquer ponto de vista. Um filme de sombra ofuscante que, em termos de espectáculo, embaraça toda e qualquer outra película este Verão. – Entertainment Weekly

Um encanto ternurento. Uma representação de actores tão brilhante que a aplaudi no visionamento. – Village Voice

Impressiona-nos com a sua maturidade silenciosa e confiante. – Time Out NY

Um filme comovente que nos atinge em cheio, graças a actuações maravilhosas e a um tipo de emoções difíceis de falsear. – Indiewire