Em Exibição

PORTO


Cinema Trindade
Sessões: 6ª Sáb Dom 14h15, 19h40 2ª 3ª 4ª 14h15

UCI Arrábida
Sessões: 6ª Sáb Dom 2ª 3ª 4ª 15h05, 18h15, 21h20, 00h20


LISBOA 


UCI - El Corte Inglés 
Sessões:5ª 6ª Sáb Dom 2ª 3ª 4ª 14h30, 18h, 21h15, 00h20

Pesquisar
Cyrano de Bergerac
em exibição
um filme de Jean-Paul Rappeneau
Estreia: 05-10-2018
voltar
Com

Gérard Depardieu, Anne Brochet, Vincent Perez e Jacques Weber.


Info
Título Original: Cyrano de Bergerac
Género: Comédia dramática
País: França
Duração: 137'
Links

Cyrano ama desde a infância a sua prima Roxanne, mas nunca teve a coragem de lhe declarar essa paixão. Ele julga-se desfigurado, devido ao seu longo nariz, e admite nunca poder vir a ser amado por uma mulher. Pelo seu lado, Roxanne, que nutre por Cyrano uma enorme simpatia, tem como ideal de homem a beleza e o espírito. Ao conhecer Christian, Roxanne apaixona-se por ele, mas este é tímido e não consegue manter uma relação normal com uma mulher. É então que Cyrano ajuda Christian, escrevendo-lhe longas e belas cartas de amor que vão tornar ainda maior a paixão de Roxanne por Christian. Só que Christian não vai aguentar por muito tempo esta situação e Roxanne vai então descobrir o autor de tão belas cartas de amor...

Le Monde
Libération
Festivais e Prémios
Óscar - Prémio para Melhor Guarda Roupa e Nomeações para Melhor Actor, Melhor Filme Estrangeiro, Melhor Caracterização e Melhor Direcção de Arte

Globos de Ouro - Prémio Melhor Filme Estrangeiro

Festival de Cannes - Prémios Melhor Actor, Melhor Fotografia (Technical Grand Prize) e nomeação para a Palma de Ouro

BAFTA - Prémios para Melhor Fotografia, Melhor Guarda-Rouoa, Melhor Caracterização e Melhor Banda Sonora

César Awards - Prémios para Melhor Filme, Melhor Actor, Melhor Actor Secundário, Melhor Realização, Melhor Música, Melhor Fotografia, Melhor Direcção de Arte, Melhor Edição e Melhor Som

Festival de Toronto - Prémio Melhor Filme do Público 



Notas da Crítica

Truly the Greatest Love Story Ever Told.  An epic film brimming over with life, romance, humour, comedy and the sheer panache of Depardieu's Cyrano. - Empire


With its screenplay adapted from Rostand by Mr. Rappeneau and Jean-Claude Carriere, the movie is really memorable, though, only for the Depardieu performance, and for the chance it gives us to hear the original French verse. - New York Times


Cyrano, c'est le pied. Vive la France, Vive Rostand, Vive Rappeneau, Vive Depardieu, vive tous! - Libération